SAQUE FGTS – Calendário, Contas Inativas → (Saiba com Sacar)

Saque FGTS – Criado em 1966 pelo governo militar, o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, mais conhecido como Caixa FGTS, tem como principal intuito não deixar desamparado o trabalhador que é demitido sem justa causa.

Todos os meses, obrigatoriamente (a partir de 1988), o empregador deposita o equivalente a 8% do valor do salário do funcionário em uma conta da Caixa Econômica Federal vinculada ao contrato de trabalho, para garantir o saldo FGTS.

No entanto, o trabalhador não pode simplesmente ir lá e efetuar o saque FGTS inativo, pois o valor só é liberado em circunstâncias pontuais, que deverão ser observadas pelos cidadãos sempre que possível.

Portanto, nas próximas linhas deste artigo, nós vamos procurar mostrar em detalhes como será o funcionamento do saque do FGTS, mostrando quem tem direito a ele e em quais ocasiões ele é permitido. Leia com atenção!

Quem tem direito ao saque do FGTS?

Criado como reserva de dinheiro para os trabalhadores, o FGTS teve o saldo de suas contas inativas recentemente liberado, em duas oportunidades, sendo uma entre 2017 e outra agora, em 2018.

Veja também:

No entanto, exceção feita ao saldo inativo do FGTS, o fato é que o saque dos valores deste fundo só poderá ser feito em algumas ocasiões pontuais, e será necessário ao trabalhador procurar saber quais são elas.

Saque FGTS

O saque FGTS  conta inativa só poderá ser feito nas seguintes circunstâncias:

  • Quando o trabalhador é demitido sem justa causa;
  • Quando termina um contrato que tem prazo estipulado;
  • Quando o trabalhador se aposenta;
  • Para realizar a compra de uma casa ou de um apartamento próprio;
  • Quando o trabalhador está diagnosticado com uma doença grave: câncer e AIDS, por exemplo.

E quem tem direito ao FGTS, de acordo com a legislação trabalhista do Brasil, são as seguintes pessoas:

  • Trabalhadores contratados dentro do que está previsto na CLT;
  • Os trabalhadores rurais e os trabalhadores temporários;
  • Atletas profissionais;
  • Empregados domésticos;
  • Trabalhadores avulsos.

Em 2016, no entanto, tiveram direito a sacar o saldo das contas inativas do FGTS (aquelas cujos valores ficaram retidos por conta de demissões por justa causa ou por pedidos de demissão dos trabalhadores), todos os trabalhadores que atuaram com registro em carteira até 31 de dezembro de 2015.

E em 2018, com a liberação de mais uma leva de contas inativas para saque, têm direito todos os cidadãos que trabalharam com carteira assinada entre o ano de 1971 e o ano de 1988, podendo realizar os saques nas datas disponibilizadas no calendário para saque do FGTS.

Calendário Saque FGTS

Quando o anúncio da liberação do saldo das contas inativas do FGTS foi feito pelo governo federal em 2016, foi divulgado um calendário saque do FGTS, que determinava os meses para que os saques fossem realizados pelos cidadãos, sempre respeitando os de nascimento dos mesmos.

Este calendário saque FGTS inativo teve função primordial na organização do movimento de saques, já que permitiu que as pessoas se organizassem e se programassem para realizar seus saques sem grandes filas, facilitando a vida de todos que tinham direito.
Confira:

Calendário FGTS Inativo
Mês de nascimento:Data liberada para saque:
Janeiro10/03/2019
Fevereiro10/03/2019
Março10/04/2019
Abril10/04/2019
Maio10/04/2019
Junho12/05/2019
Julho12/05/2019
Agosto12/05/2019
Setembro16/06/2019
Outubro16/06/2019
Novembro16/06/2019
Dezembro14/07/2019

Pois em 2019, o calendário de saque do FGTS ressurgiu, só que agora menos rígido e mais amplo, já que não definiu datas específicas para os cidadãos efetuarem seus saques, dando apenas um prazo único válido para todos.

Este prazo, que vai até dezembro, é o prazo no qual os cidadãos que têm direito a efetuar o saque do saldo das contas inativas do FGTS poderão fazer esta operação.

Como fazer o saque FGTS?

Para fazer o FGTS saque o cidadão que tem direito ao valor das contas inativas deverá se dirigir até uma agência da Caixa Econômica Federal, que é a instituição financeira mantenedora do fundo, dentro do prazo estipulado pelo calendário saque FGTS de contas inativas.

Será necessário que o cidadão tenha em mãos o seu CPF, o seu número do PIS/PASEP (NIS – Número de Identificação Social), seu RG e sua Carteira de Trabalho da Previdência Social (CTPS).

O procedimento será feito rapidamente e o valor correspondente ao saldo das contas inativas que está liberado em nome do cidadão poderá ser sacado tranquilamente, em um procedimento que não levará mais do que alguns minutos.

Agora para procedimentos relativos às contas ativas do FGTS, o cidadão que deseja efetuar o saque para fazer a compra de um imóvel, por exemplo, deverá reunir a documentação pertinente à esta compra e se dirigir até uma agência da Caixa Econômica Federal.


O mais importante será sempre procurar ter as informações corretas e de modo completo antes de se dirigir para tentar fazer saque do FGTS conta inativa, para que não seja tempo perdido.

Mas caso tenha alguma dúvida sobre o FGTS saque basta deixar um comentário no campo abaixo que iremos responder seu comentário logo em breve. Boa sorte!

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 5

SAQUE FGTS – Calendário, Contas Inativas → (Saiba com Sacar)

1 respostas para “SAQUE FGTS – Calendário, Contas Inativas → (Saiba com Sacar)”

  • Como fazer o Saque FGTS corretamente? Descubra com este texto 18 de outubro de 2018 às 19:31

    […] já trabalhou alguma vez de carteira assinada, então provavelmente fez ou terá que fazer o saque FGTS em algum momento de sua vida. O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um tributo […]

    Responder

Deixe um comentário